domingo, 29 de novembro de 2015

MEDITAÇÕES XXV


Nascimento e morte
são opostos dum só segmento
em constante sucessão.

Entre eles, desenrola-se
o que a mente entende por vida.

Ambos os pólos perecem,
de tão extremados que são:
áridos terrenos, por mais cultivo
que lhes seja dado.

A essência do meio, porém,
é deveras um campo fértil.

Investir a existência
num ou noutro
torna os Homens em ilhas.

Só no âmago se poderá revelar
o infindo oceano
que a onda ainda desconhece ser.



PBC.






(Fonte: www.dhammawheel.com)




2 comentários:

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.